Quais as diferenças entre grinalda, véu e mantilha?

11/12/2015 por Fernanda Barni de Almeida comentários

Desde criança, as meninas estão acostumadas a repetir que vão se casar de véu e grinalda. Mas, agora que estão Noivas, já pararam para pensar no que isso significa exatamente? Sabem o que é grinalda? E mantilha? E qual o comprimento certo para de véu para o seu vestido de Noiva?

Sem pânico! A gente explica tudo e ilustra com belíssimas fotos das últimas coleções da marca espanhola Pronovias. Assim, não vai restar nenhuma dúvida!

* Véu

O véu é um adorno feito de tule, que é colocado à partir do topo da cabeça da Noiva, podendo ter vários tipos de comprimento. Seu tamanho é escolhido de acordo com o horário da cerimônia, com o tamanho da Igreja, bem como, com o tipo do Vestido de Noiva escolhido. Não deixe de pedir ajuda ao seu estilista para o escolher o modelo perfeito para você.

Curto: É o véu perfeito para cerimônias mais informais. É perfeito para cerimônias diurnas (que acontecem pela manhã ou no início da tarde), ou ainda, para cerimônias que vão acontecer ao ar livre, nas quais o véu não pode arrastar no chão.

FullSizeRender1

Médio: Este tipo de véu é perfeito para cerimônias que acontecem no fim de tarde, ou ainda à noite, mas em Igrejas menores.

FullSizeRender4

Longo: O véu longo é apropriado para cerimônias mais tradicionais, que acontecem após as 20h, em Igrejas maiores e com naves muito longas. Se a cerimônia acontecer em uma Catedral, o véu pode chegar a medir até 8m de comprimento.

FullSizeRender2

* Mantilha

A mantilha é um adorno bem similar ao véu, mas geralmente leva aplicações de renda bordadas em torno de toda a sua extensão. Peça ajuda ao seu estilista para escolher uma mantilha que orne com seu Vestido de Noiva. Como a mantilha já possui bastante informação, é preciso tomar cuidado para não exagerar no vestido e no restante dos acessórios.

FullSizeRender

 *Grinalda

A grinalda é a tiara (ou a coroa) em que o véu (ou a mantilha) será preso nos cabelos da Noiva. A grinalda tem a função de enriquecer ainda mais o visual, mas não é um item obrigatório. É possível usar somente um véu, caso a Noiva assim deseje.

A grinalda não precisa ser necessariamente algum adorno de metal com brilhos, coroas de flores naturais também fazem bem o papel em cerimônias diurnas ou ao ar livre.

Em cerimônias diurnas, prefira um brilho mais discreto. Em cerimônias no fim da tarde ou à noite, a quantidade de brilho (strass, zircônias, pérolas, cristais ou diamantes) está liberada, mas não se deve exagerar. O look de Noiva é repleto de informações, então, muitas vezes, menos é mais.

Analise com seu cabeleireiro o tipo de acessório que combina melhor com seu vestido, véu, brincos, cabelo e maquiagem escolhidos. O importante é acertar no conjunto! E não esqueça de levar a grinalda (bem como seus brincos) no dia em que fizer a prova do cabelo. Assim, será possível visualizar melhor como o conjunto vai ficar no “grande dia”.

grinalda 1 grinalda

postado por
Fernanda Barni de Almeida
Formada em Direito, descobri não ter talento para falar de coisas tristes. Romântica e apaixonada, criei o OMG para falar do que mais gosto: o amor.
TAGS
comentários