Como escolher o penteado certo?

28/01/2016 por Fernanda Barni de Almeida comentários

Escolher o penteado para o dia do casamento não é uma tarefa fácil. Seu cabelo precisa fazer parte do conjunto look de Noiva, e por este motivo, a escolha precisa ser coerente. Assim, antes de escolher como seus cabelos vão estar durante a cerimônia é preciso definir primeiramente o modelo do vestido, as jóias que serão usadas, e somente depois, como será o seu penteado.

Além de escolher um look harmonioso entre cabelo + vestido + acessórios, é preciso levar outros itens em consideração:

* Comprimento do cabelo – A quantidade e o comprimento do cabelo fazem diferença no penteado, principalmente no quesito volume. Se você não estiver disposta a usar um aplique ou enchimento, peça sugestões de penteados ao cabeleireiro que sejam compatíveis ao seu cabelo.

* Cor do cabelo – Pesquise referências com cores próximas à cor do seu cabelo. O mesmo penteado pode mudar completamente o efeito, dependendo da cor dos cabelos. Os cabelos castanhos, por exemplo, muitas vezes escondem os detalhes do penteado.

* Formato do rosto – Alguns penteados ajudam a afinar o rosto, outros acabam chamando mais atenção justamente para o que a Noiva não gostaria de valorizar, como por exemplo, o nariz. Procure conversar com o cabeleireiro o tipo de penteado que ficaria mais equilibrado com o formato do seu rosto, e só depois, comece a procurar referências.

* Local da festa – Avalie o lugar onde seu casamento vai acontecer. A festa será ao ar livre? Tem muito vento? Tem maresia? Será em um salão fechado? Tem ar condicionado? Todos estes detalhes podem fazer seu penteado durar por mais ou menos tempo. Então, tome todos os cuidados e precauções dando mais estrutura ao penteado com spray, caso necessário.

* Horário da festa – O calor excessivo e o suor podem fazer seu cabelo “despencar” no meio meio da festa. Assim, se você deseja estar bonita do início ao fim da comemoração, opte por penteados com mais sustentação em cerimônias com horários entre 11h e 16h.

Durabilidade, conforto, praticidade e segurança devem ser palavras-chave na escolha do penteado de Noiva. Durabilidade porque o penteado precisa estar bonito até o final da festa. Conforto, pois o penteado não pode incomodar durante a festa, nem causar dor de cabeça depois dela. Praticidade porque nem todo penteado é prático, alguns penteados diminuem a mobilidade durante o evento, e neste dia, você não pode passar o tempo pensando no cabelo, precisa curtir sua festa. E segurança, pois você precisa gostar da sua imagem com aquele cabelo.

Para garantir que todos estes requisitos sejam cumpridos, a melhor opção é realizar um teste prévio ao dia do casamento. O teste reduz a ansiedade da Noiva, garante que o profissional escolhido sabe realizar o penteado desejado, e ainda, confirma que a referência escolhida fica bem em seu rosto e seu cabelo. Para garantir o sucesso do teste, não leve gente demais ao salão, muitas vezes, opinião demais só atrapalha, em vez de ajudar.

Aproveite a oportunidade do encontro com o cabeleireiro e tire todas as suas dúvidas sobre seu cabelo: será preciso hidratar? Será preciso cortar? Será preciso retocar a cor? E lógico, não deixe para fazer nenhuma mudança drástica no visual na semana do casamento. Nunca se sabe se você vai gostar do resultado ou não, então garanta que exista tempo hábil para arrumar algum detalhe, caso seja necessário. Além disso, peles manchadas, alergias e coceiras também podem acontecer neste processo, então o melhor caminho é se prevenir.

Conversamos com a cabeleireira Manu Azevedo, da Backstage Beauty, sobre este assunto:

Aproveite o dia do teste para avaliar seu cabelo e o penteado escolhido. Há muitos tratamentos à disposição da Noiva, mas nem todos são indicados para o período de pré-casamento. A hidratação, por exemplo, é sempre bem-vinda, mas é preciso ter cuidado com este processo na semana da cerimônia. Um cabelo pesado, por conta do uso equivocado de algum produto, pode comprometer a execução e a estrutura do cabelo, fazendo com que o cabelo desabe durante a festa”.

Ao procurar por referências, uma dica muito importante: respeite seu estilo. Você precisa se parecer consigo mesma no dia do seu casamento. Assim, faça algumas adaptações, caso seja preciso, mas mantenha sua essência:

* Cabelo preso – O penteado preso é unanimidade como a melhor opção para as Noivas entre os profissionais de beleza. Primeiramente, porque mantém o cabelo intacto durante todo o evento, mas, além disso, porque esta é a melhor forma de sustentar o véu e os acessórios escolhidos, além de realçar a maquiagem e o vestido de Noiva.

Caso você seja não esteja acostumada a usar os seus cabelos presos, a dica é ir fazendo vários penteados no período pré-casamento. Assim, ao longo do tempo, é mais fácil se acostumar com seu rosto e o cabelo preso.

Este tipo de penteado combina com todos os tipos e estilos de cerimônia. Para cerimônias mais clássicas, em salões e horários mais tarde, os cabelos pode ser mais estruturados. Cerimônias mais despojadas, ao ar livre e durante o dia, pede coques mais desarrumados.

* Cabelo meio preso – Estes penteados funcionam melhor em cerimônias mais despojadas, ao ar livre. A vantagem é que apesar de ter o volume dos cabelos soltos, este penteado tem um pouco mais de durabilidade, pois sua base está presa.

* Cabelo solto – Este é o tipo de penteado que oferece menor durabilidade. São muitas as influências: vento, calor, abraços, dança e etc. Todos estes requisitos podem fazer seu cabelo estragar antes do final da festa.

E uma última dica, mas não menos importante. No dia do casamento, para o making of da Noiva, escolha uma roupa que seja fácil de retirar na hora de colocar o vestido. Um roupão é sempre uma ótima opção, mas uma camisa com botões ou uma blusa de zíper na parte da frente, também funcionam super bem.

ga_p08_loiros

ga_p08_ruivos

ga_p08_castanhos

postado por
Fernanda Barni de Almeida
Formada em Direito, descobri não ter talento para falar de coisas tristes. Romântica e apaixonada, criei o OMG para falar do que mais gosto: o amor.
TAGS
comentários