Francieli & José.

02/12/2014 por Fernanda Barni de Almeida comentários

Geralmente, a mais romântica da relação é a MULHER. É mais sensível, é quem demonstra mais, a que se declara e faz surpresas. Mas no caso da Fran & do José é diferente. O Noivo é quem é o romântico… e a Fran tirou a sorte grande! Seu pedido de noivado aconteceu no lugar em que sonhava conhecer: Machu Picchu. “Sempre imaginamos uma história de amor, com uma paixão desenfreada entre a mocinha romântica-sonhadora e o mocinho conquistador.

Mas na nossa história, os personagens tem papeis invertidos: aqui a mocinha não é a romântica; o mocinho é quem é! Não tivemos uma paixão enlouquecedora; o sentimento de AMOR surgiu à partir de uma amizade, começando mansinho e crescendo aos poucos. É uma história muito especial para nós, cheia de detalhes, pois aconteceu como realmente tinha de acontecer, do nosso jeito… Vou lhes contar!

Em 2008, eu e José nos conhecemos. Ele, nascido em São Paulo, e eu, em Santa Catarina, fomos nos encontrar em Pomerode, a cidade catarinense mais ALEMÃ! E isso aconteceu em nosso local de trabalho.

Assim que o vi, um pensamento com uma visão de um futuro juntos passou por minha mente, confesso. Mas imediatamente, repeli este pensamento e questionei de onde teria surgido: “Como pude pensar isso se nem nos conhecemos? Eu nunca me envolveria com alguém do trabalho.” Como colegas de trabalho, ficamos amigos.

Em 2009, coincidiu de ambos fazermos um curso em uma cidade vizinha. Resolvemos dividir a carona, por que não? E começamos a nos aproximar ainda mais, observando que tínhamos muitas afinidades e objetivos comuns. Minha admiração foi crescendo, apesar de sempre achar que éramos somente grandes amigos. Era, de fato, uma admiração PURA, sem segundas intenções.

O que eu não supunha era que, da parte dele, a intenção não era de APENAS amizade. Eu nunca entendia as “indiretas” dele; sempre acreditava que eram brincadeiras, pois ele é uma pessoa muito bem humorada e divertida. Já havia uma torcida organizada no trabalho e eu só achava aquela história toda engraçada.

Como eu realmente não percebia suas “investidas”, certa vez ele resolveu mandar uma mensagem para se declarar. Nela havia um trecho da letra da música “Amigo Apaixonado”, de Victor e Leo. Mas, como eu não costumava ouvir sertanejo, nem sabia que aquilo se tratava de uma música. Nada romântica, não entendi o texto e deduzi que ele havia mandado alguma mensagem errada ou algo do gênero.

Como a estratégia romântica dele não funcionou, ele precisou ser direto e falar “olho no olho” – mas confesso que, de início, ainda pensei que fosse brincadeira. Não foi fácil, não é? Mas, desde então, ficamos JUNTOS!

Sabendo que um dos meus SONHOS era conhecer Machu Picchu, em 2011, ele programou uma viagem, sem que eu soubesse. Foi uma surpresa maravilhosa para mim! Sempre tive um fascínio pelo lugar e pela cultura Inca.

Maior surpresa ainda foi, quando nas ruínas da cidade de Machu Picchu, exatamente no dia dos namorados, ele tira uma caixinha da mochila, abre-a e faz o PEDIDO de casamento… Nem passava pela minha cabeça que ele fosse me pedir em casamento naquele lugar! Fiquei sem reação no momento, não sabia o que falar… Entre o “sim”, risos e lágrimas de alegria, o lindo anel de noivado ia sendo colocado em minha mão esquerda.

Queria logo contar para meus pais e, quando telefonei, eles me falaram que já sabiam de tudo, pois o José já havia pedido, em segredo, minha mão em casamento para eles. Mais uma vez, fui surpreendida!

Apesar de eu não me considerar romântica, ele conseguiu tocar meu coração com tudo isso. Foi lindo, emocionante! Jamais esquecerei daquele momento.

Cada vez que olho para o anel de noivado – que foi substituído pela aliança e agora está na mão direita – lembro-me daquela emoção ímpar que me invadiu e tomou conta de meu ser.

E para terminar a história, tenho de contar que, no dia de nosso casamento, ele me fez mais uma SURPRESA! Subiu no palco, tocou e cantou a música “Amigo Apaixonado”, aquela música da primeira tentativa de declaração. Claro, ele não podia deixar de contar a história da mensagem aos convidados, o que provocou uma risada contagiante de todos na festa!”

Ficaram curiosos para saber mais do casório? Logo, logo publicaremos aqui! Oba! 260066_2046402851196_7759911_n260231_2046410571389_4644626_n 263986_2046407171304_8094166_n 270286_2046410051376_3635128_n 270491_2046411531413_533327_n

postado por
Fernanda Barni de Almeida
Formada em Direito, descobri não ter talento para falar de coisas tristes. Romântica e apaixonada, criei o OMG para falar do que mais gosto: o amor.
comentários